Professor do IFMA morre afogado em cachoeira no Norte do Piauí; saiba quem é

O corpo do professor do Instituto Federal do Maranhão foi encontrado neste domingo (16). A vítima aproveitava um momento de lazer em companhia da namorada, quando se afogou na tarde desse sábado (15).

Avalie a matéria:
O professor Dejailson Nascimento Pinheiro morreu afogado aos 44 anos na Cachoeira do Engenho Velho, no Norte do Piauí | FOTO: Reprodução

O professor do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Maranhão (IFMA) Dejailson Nascimento Pinheiro, de 44 anos, morreu afogado na Cachoeira do Engenho Velho situada no município de Cocal, no Norte do Piauí. O corpo dele foi encontrado neste domingo (16). 

Conforme o apurado pelo Meio News, a vítima estava em companhia da namorada na tarde desse sábado (15), quando repentinamente sumiu da vista de todos os banhistas. Contudo, não houveram testemunhas do afogamento. O Corpo de Bombeiros Militar do Piauí foi acionado para atender a ocorrência. Na manhã deste domingo, Dejailson foi encontrado por populares que auxiliavam nas buscas.O corpo do professor do IFMA foi encontrado a poucos metros de onde foi visto pela última vez | FOTO: Reprodução

Equipes da Polícia Militar do Piauí e da Polícia Militar do Ceará atenderam a ocorrência, devido a Cachoeira do Engenho Velho ficar localizada em área de litígio entre os estados. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil do Piauí.

 SAIBA QUEM ERA A VÍTIMA 

Dejailson Nascimento Pinheiro tinha 44 anos, era natural de São Luís do Maranhão e professor do IFMA no campus da cidade de Itapecuru Mirim.

Ele era graduado em Licenciatura em Informática pelo Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Maranhão - IFMA, com especialização em Arquitetura Orientada a serviços - Uniceuma (2011) e mestrado em Engenharia de Eletricidade pela Universidade Federal do Maranhão (2014) com área de concentração em Ciências da Computação. 

O professor também teve experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Sistemas Distribuídos, Computação Móvel e Computação Orientada a Serviços, atuando principalmente nos seguintes temas: Computação Ubíqua e Pervasiva e Sistemas Sensíveis ao Contexto.

Veja Também
Tópicos
SEÇÕES