Banco Central do Brasil se inspirou no MB WAY, o PIX português

O BC do Brasil, ainda no governo de Michel Temer, copiou o sistema implantado em Portugal em 2015

Avalie a matéria:

O PIX foi implantado no Brasil na gestão de Michel Temer. O Banco Central do Brasil se inspirou no sistema MB Way, desenvolvido em 2015 em Portugal, e que possibilita todos os tipos de transações financeiras como transferências,  saques em conta-corrente e empréstimos.

Um dos pioneiros no MB Way foi o Banco BPI, hoje comandando pelo grupo espanhol CaixaBank. Inicialmente, as operações eram taxadas em 0,20 de euros (R$ 1,10), após isso, o serviço ficou praticamente gratuito.

O PIX foi implantado no Brasil na gestão de Michel Temer.

Grande parte dos trabalhadores liberais tem preferência por receber pelo MB Way, pois o dinheiro cai na conta-corrente na hora, e diferente de outras operações bancárias, não há custo. 

Economistas de mercado financeiro reforçam que o PIX brasileiro foi inspirado no MB Way português, serviço que funciona totalmente pelo celular.

Portugal está à frente, inclusive, na integração dos sistemas dos bancos. Existe o chamado Multibanco, em que é possível, com um cartão bancário, sacar em caixas eletrônicos de todos os bancos, independentemente da instituição em que a pessoa é cliente. Ou seja, correntistas do Banco BPI pode sacar nos caixas eletrônicos do Novo Banco e do Millenium e vice-versa.

Atualmente no Brasil, um cliente no Bradesco não pode sacar nos caixas eletrônicos do Itaú Unibanco ou do Banco do Brasil. Vale ressaltar que oBanco Central vem, há décadas, tentando criar um sistema único para saques em caixas eletrônicos.

Veja Também
As opiniões aqui contidas não expressam a opinião no Grupo Meio.


Tópicos
SEÇÕES